Arquivo da categoria: Hospedagem

20140125_105430 (Cópia)

PARIS: Hotel Ibis Styles Bercy 3*

Nesse fim de semana fui passear em Paris de novo pra conferir o novo Musée des Arts Ludiques e fiquei no hotel Ibis Styles Paris Bercy.

20140125_105038 (Cópia)

Os hotéis Ibis Styles são os antigos All Seasons que mudaram de nome. Eles são basicamente iguais aos Ibis normais, só que com uma decoração mais modernosa toda colorida e com a particularidade de ter o café da manhã é incluído na diária, o que não é uma prática comum nos hotéis da França. Diga-se de passagem que o café é um buffet à vontade (uêba!) e bem gostoso.

Como já tinha falado no post sobre o hotel Kyriad (onde já fiquei várias vezes) gosto bastante dessa área de Paris. Só que dessa vez conseguimos uma promoção boa no Ibis (que é um pouco mais caro que o Kyriad) e resolvemos experimentar!

A localização desse Ibis é muito boa: o hotel fica num bairro tranquilo e bem residencial a 10 minutos a pé do Bercy Village e também tem uma estação de metrô (linha 14) bem pertinho. 

20140125_105503 (Cópia)

Outra coisa: dessa vez não viajei com meu filho, mas acho que o Ibis Styles Paris Bercy é um hotel legal pra viajar com a família. Como eu sei? Tava escrito pra todo lado no hotel que as crianças são bem vindas! :D E eu vi que meu quarto tinha uma daquelas portas que dão pra outro quarto, uma área com joguinhos pra crianças na recepção, cadeirinhas pra bebê na sala do café da manhã… num país onde cachorro é melhor aceito em restaurante e hotel do que criança, isso é algo que atraiu minha atenção.

20140125_105430 (Cópia)
Detalhe: a garrafinha de Evian que está na mesinha quando você chega é de brinde, pode beber sem medo! :)

Achei o Ibis bem confortável: apesar do quarto ser relativamente pequeno, a cama era king size e bem gostosa e o banheiro era grande o suficiente pra poder secar o cabelo sem fraturar o cotovelo na porta (o que pros padrões parisienses já tá bom demais).

20140125_105535 (Cópia)

Hotel Ibis Styles Paris Bercy 3*
77 Rue de Bercy 75012 Paris

 

 

PARIS: Hotel Villa des Ternes – dica da Luisa Cardoso

A Luisa Cardoso, leitora do blog, compartilhou em um comentário esta dica de hospedagem em Paris, que estou colocando aqui na página principal pra todos poderem aproveitar:

Ficamos em um hotel bem perto do Palais des Congrès ,mas na Avenue des Ternes, http://www.hotel-villa-des-ternes-paris.com/ O Metrô mais perto é o Porte Maillot.
Gostei de tudo nesse hotel e olha que ficamos 12 noites , ele fica bem próximo ao Metrô,ao shopping com um mercado maravilhoso(dentro do Palais des Congrès) e é atrás do Meridien ,tem um ponto do ônibus da Air France bem pertinho e assim vc não precisa pegar táxi para ir e vir do aeroporto, e o motorista é super educado pega as suas malas de luvas!!!!….E o valor é bem menor!!! …
O entorno do hotel é muito bom, a avenue des Ternes é muito boa ,com comércio e fica bem próxima ao Arco do Triunfo….a Champs-Élysées…e daí para o mundo!!!!
Resumindo….depois de uns três dias..já estava me sentindo em casa!!!
Em dezembro voltamos à França ,mas para o sul, adorei tb!!! …Mas já estou com saudades de novo….de Paris!!!
Ah…bem em frente do hotel tem um Nicholas…muitos vinhozinhos!!!!

Valeu, Luisa! :)

Pra reservar este hotel, clique aqui: Hotel Villa des Ternes

 

hotel-terminus-lyon-paris

Paris: Hôtel Terminus Lyon 3*

O Hôtel Terminus Lyon em Paris é um dos hotéis em que já fiquei várias vezes em Paris.

Pra mim a vantagem é que o hotel fica bem em frente à Gare de Lyon, a alguns minutos a pé da Bastille. Eu sempre chego de trem na Gare de Lyon, mas até pra quem está chegando do Brasil pelo aeroporto com um ônibus da Air France, por exemplo, é bem prático pois o ônibus vai te deixar na porta do hotel e você não vai precisar tomar táxi pra terminar de chegar.

A estação de metrô Gare de Lyon é enorme e tem muitas opções de linhas diferentes. O problema é que é fácil se perder lá dentro, mas o segredo é não entrar na estação de trem pra pegar o metrô, mas passar pela entrada específica do metrô na frente da estação! Fica logo atrás do ponto de ônibus, é fácil achar. Ou então vá de ônibus mesmo.

Enfim, este hotel não é chique, nem bonito, a decoração é meio velhosa mas não é muito caro e é uma ótima opção para quem vai viajar com a família em Paris. Ele tem quartos conjugados para até 6 pessoas, coisa que pouquíssimos hotéis em Paris oferecem. Considerando que este hotel não é de rede, e que em Paris hotel independente na maioria das vezes quer dizer LIXO, o Hôtel Terminus Lyon se sai muito bem, pois é limpo, tem elevador e os quartos são silenciosos.

Outra vantagem é que apesar da localização ser bastante central ela não é muito turística (pros padrões de Paris, onde tudo é turísico de qualquer jeito, claro), e justamente por isso nas proximidades do hotel você vai encontrar bares, supermercados, restaurantes, tudo mais em conta do que numa rua famosa.

Clique aqui para ver as fotos e reservar o Hôtel Terminus Lyon.

Hôtel Terminus Lyon
19, Bd Diderot – 75012 PARIS
Metrô: Gare de Lyon

 

destaque-bairrosparis

Os melhores lugares para se hospedar em Paris

Qual a melhor área de Paris para se hospedar? Paris tem tantas opções que é fácil ficar perdido.

Vamos começar pelo começo: Paris tem 20 arrondissements ou bairros, que são organizados em forma de caracol, começando pelo centro:

 

Esse perímetro do centro de Paris é chamado Paris intra-muros, e é delimitado pelo boulevard périphérique (ou périf’). Tudo o que está do outro lado do périf já é o subúrbio de Paris, ou a banlieu.

Uma maneira fácil de saber se seu hotel ou apartamento está localizado no centro de Paris é verificar o código postal, que deve começar com 75. Assim, um endereço localizado no 2ème arrondissement vai ter o CEP 75002, um no 12eme 75012 e assim por diante.

A periferia próxima de Paris tem CEPs que começam com 9: 92, 93 e 94. A regra geral é evitar qualquer um deles, a não ser que não tenha outra escolha.

 

Qual o melhor bairro para ficar em Paris?

Eu diria que são os bairros mais próximos do centrinho, do 1er ao 8ème arrondissement. Mas o mais importante mesmo é estar próximo de uma estação de metrô. De qualquer maneira você não vai poder visitar Paris inteira à pé, e é impossível ter todas as atrações por perto.

A vantagem de se hospedar bem no centro de Paris é poder sair andando sem rumo, descobrindo cada lugar completamente ao acaso. Isso é muito menos agradável perto de uma zona muito comercial, com escritórios ou um boulevard muito movimentado, que geralmente ficam um pouco mais afastados do centro.

Além disso, cada área tem suas particularidades. O 13ème é o bairro dos imigrantes asiáticos – a Chinatown parisiense – , o 16ème lugar da burguesia endinheirada, o Marais onde se concentravam antigamente os judeus e hoje é o bairro preferido da comunidade gay; o quartier latin dos estudantes… cada um faz em função de seus gostos e suas possibilidades.

Note também que algumas áreas conhecidas de Paris não correspondem necessariamente a um arrondissement, que é uma divisão administrativa. O Marais por exemplo ocupa uma parte do III e IV arrondissements, o Quartier Latin fica entre o V e o VI…

Quais lugares de Paris devem ser evitados para se hospedar?

Paris é de maneira geral muito segura. Mas é claro que como qualquer cidade grande, há lugares que é melhor evitar. Além da periferia de Paris, existem alguns bairros ou áreas que eu não gosto muito, não necessariamente pelo fator insegurança mas pelo ambiente geral. Não precisa ficar com medo, nem a pior banlieu macabra de Paris chega aos pés de uma Cracolândia da vida.

- Gare du Nord. A área em volta dessa estação de trem é meio festa estranha com gente esquisita.

- Pigalle. Pode ser bom pra quem é boêmio, mas de noite é zona da luz vermelha, cheia de arruaceiro e bêbado. Pra quem está querendo dormir de noite, tem lugar melhor.

- Bois de Boulogne. Esta área é ótima de dia, o parque é lindo e seguro, mas à noite é onde travesti faz ponto. Principalmente travestis brasileiros, portanto se você estiver por lá de noite, já vai ser suspeito!

- Montmartre. Aqui já é uma visão muito pessoal da coisa, tem gente que gosta. Montmartre é uma área boêmia de Paris, que tem seu charme, mas acho que os inconvenientes não compensam. É meio longe e fora de mão pra os outros passeios, além de ficar lotado de turista e de trombadinha.

- La Défense. É um bairro muito moderno, fica longe e só tem prédios comerciais e de escritório. Não é perigoso nem deixa de ser interessante, mas a não ser que você esteja viajando a trabalho, não é uma boa opção. Inclusive nem fica em Paris intra-muros.

- Qualquer lugar muito próximo do périf. Além de não ser uma área agradável o barulho dos carros é intenso.

Aconselho olhar no site do Booking.com para reservar hotéis com tarifas boas.

 

quarto kyriad bercy village Paris

Paris: Hotel Kyriad Bercy Village 2*

Existe hotel bom e barato em Paris ou isso não passa de lenda urbana? A resposta continuará um mistério por enquanto, mas o hotel Kyriad Bercy Village é um dos hotéis que mais se aproximam desse quesito. Já fiquei lá 3 vezes e voltaria de novo.

Não se trata de um hotel excepcional, mas o custo/benefício é bom. Sempre que viajo na França prefiro hotéis de rede como Mercure, Ibis, Campanile ou Kyriad a hotéis independentes. Apesar de serem menos charmosos, o padrão sempre é o mesmo e a chance de se ter uma má surpresa é menor.

quarto kyriad bercy village Paris
Um quarto do Kyriad Bercy Village. Nada de original, mas legal.

O Kyriad Bercy Village é como todos os outros da mesma rede: quartos pequenos mas limpos, com mobiliário novo, elevador, e até uma chaleirinha com café, chá e biscoitos de cortesia. O café da manhã aqui também é bacana, comparado com o que se acha por aí.

O bairro deste hotel não é dos mais centrais nem dos mais turísticos, mas é bem agradável. Saindo da estação de metrô Cour Saint-Émilion da linha 14, você dá de cara com o shopping a céu aberto Bercy Village, que tem lojas, cinema, restaurantes, tudo pra dar uma passeada de noite descendo do quarto. O hotel fica logo ali pertinho. Também nas proximidades fica o parc de Bercy, onde o pessoal endinheirado que mora nos prédios em volta leva os cachorrinhos pra passear, faz pique-nique e aproveita o sol. Acho que deve ser um dos raros parques de Paris que tem mais parisiense do que turista.

Outra razão bem minha pra escolher esse hotel é a proximidade da Gare de Lyon, de onde saem os trens que vão para o sul da França, e por onde sempre chego a Paris. Ou seja, se você vai para qualquer cidade no sul da França de TGV, é uma mão na roda.

Fique de olho nas promoções deste hotel: o preço público é a partir de 123€ mas sempre consegui por menos de 100€!

Reservar o hotel Kyriad Paris Bercy Village
17 rue Baron le Roy 75012 PARIS
Tél. : +33 (0)1 44 67 75 75
Fax : +33(0)1 44 67 76 77

 

 

 

Hotel Concorde Lafayette em Paris – luxo ou lixo?

Em Paris existem muitos hotéis tradicionais famosos. Um deles é o Concorde Lafayette, que apesar de ser um 4 estrelas muito bem cotado nos guias, não recomendo nem um pouco. Eis o por quê:

Primeiro, a localização é ruim. O hotél é situado perto da Porte Maillot, ao lado do périphérique (anel rodoviário periférico) e portanto meio longe de tudo. O bairro é moderno (como indica o estilo do hotel, que tem mais de 30 andares) e nada agradável, a entrada do hotel dá pra uma avenida super movimentada e você só vê carros, motos, bagunça…

O conforto dos quartos deixa a desejar. Fiquei num quarto simples (chambre classique), que era pequeno e bem velho mesmo. Paredes meio sujas, uma cortina estampada pesadona e com aparência empoeirada, carpete desbotado e gasto, um mobiliário que me pareceu estar ali desde que o hotel abril em 1974. Ou seja, apertado e com charme zero. Não vi as outras categorias de quarto, mas pelas fotos acho que a situação é mais ou menos a mesma, a não ser que você pretenda ficar numa suíte presidencial de 100m².

O acesso é complicado. A estação de metrô (Porte Maillot ou RER Neuilly-Porte Maillot) é meio confusa, dependendo da saída que você pegar vai sair dentro de uma espécie shopping e rodar bastante até achar o elevador pro hotel. Ou então vai sair no meio de um cruzamento descampado perto de um parque e também andar bastante.

O hotel não vale o que custa. Tudo bem que o Concorde Lafayette nem é tãããão caro assim, e que também não é em Paris que você vai encontrar um hotel de categoria superior super legal e bonito sem gastar uma fortuna, mas ainda assim ele está caído demais pra uma categoria 4 estrelas que se considera de luxo.

Então por que este hotel é tão famoso? O Concorde Lafayaette fez parte de um projeto do governo francês nos anos 60 para desenvolver o turismo de negócios em Paris e foi construído ao mesmo tempo que o centro de convenções que fica logo ao lado. Portanto, é um hotel muito mais adaptado para quem participa de algum evento no Palais des Congrès do que pra quem está viajando a lazer. Mas até pra quem está viajando a trabalho (o que foi o meu caso), o hotel merecia uma reforminha…

Vista da janela do meu quarto

Enfim, a única coisa legal que achei neste hotel foi a vista dos quartos, que no meu caso dava pra torre Eiffel, coisa rara em Paris. Mas até nisso fiquei meio frustrada: a janela era pequena e não podia nem ser aberta. Será que é pra evitar que algum turista japonês decepcionado com a prestação cometa um hara-kiri e pule lá de cima?

No fim das contas, pra quem quer aproveitar a vista, uma visita ao bar panorâmico é mais do que suficiente. Mas vá dormir em outro lugar!


Hôtel Concorde Lafayette ****
Tarifas a partir de 225€
3, Place du Général Kœnig – 75017 Paris
+33 (0)1 40 68 50 50