Arquivo da categoria: Europa

Hotel Grange Tower London

LONDRES: Hotel Grange Tower

Cof cof cof… O blog anda meio empoeirado, mas quero só terminar essa série sobre Londres antes de voltar ao assunto que nos interessa: a França!! Desde a viagem a Londres estive em Marselha e Nantes, tirei algumas fotos e peguei algumas dicas que vou publicando aos poucos… só tenham um pouquinho de paciência, pois ultimamente meu tempo pra escrever é inversamente proporcional a minha preguiça. :roll:

Não lembro mais se falei em um dos posts logo abaixo que tinha conseguido um hotel super legal em Londres.

Olha, quem já foi a Londres sabe que achar hotel bom por um preço razoável é missão quase impossível. Já paguei uma nota em cada espelunca que Deusmilivre. O melhor caso foi a vez que chegamos em Londres em fevereiro (ou seja, frio abaixo de zero), o quarto minúsculo cujo aquecimento não estava funcionando não tinha espaço nem pra colocar as malas, no banheiro (do tamanho de um armário) o chuveiro ficava praticamente em cima da privada (muito prático pra quem é multi-tarefa, mas nesse caso eu prefiro uma “tarefa” de cada vez rsrsrs), e o melhor: a pia tinha duas torneiras, uma de água fria (gelada!!!) e outra de água quente (fervendo!!). Ou seja, pra escovar os dentes, lavar as mãos, era só misturando as duas num copinho de plástico pra não congelar ou queimar os dedos… fantárdigo!

Percebi dessa última vez que com as Olimpíadas muitas coisas estão melhorando por lá. Por exemplo, quem está acostumado com o metrô parisiense acha o metrô londrino uma bosta (eu que venho de Brasília acho os dois lindos!!), mas vi muitas melhorias, e vi também muitos hotéis reformados ou construídos recentemente.

E foi num hotel novinho e folha que ficamos dessa vez: O Hotel Grange Tower Bridge Londres. Esse hotel é do jeitinho que eu gosto, por isso recomendo muito. Não é o tipo de hospedagem que tem aquele charme característico, mas é o tipo de hospedagem em que você não tem má surpresa. O hotel pelo que percebi foi construído mais pra uma clientela executiva do que pra turistas (as salas de conferência e de café da manhã são enormes e os grupos com crachá e gravata no pescoço são constantes nos corredores), mas o conforto é ótimo.

A localização é muito boa, perto do Tower of London e perto de uma estação de metrô. A área só é meio desanimada no fim de semana, pois fica bem na City (o bairro onde se concentram as empresas e escritórios) e é o pessoal saindo do trabalho que anima as happy hours nos bares e restaurantes perto do hotel.

Os quartos são muito confortáveis e espaçosos, os banheiros não são muito grandes, mas são bem equipados e limpos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A piscina aquecida, com sauna, jacuzzi e tudo mais e a academia de ginástica no subsolo são ótimas pra relaxar depois de um dia inteiro andando muito a pé!

Tê me curtindo!!

 

 

Agora pra quem já está pensando que eu estou “podendo” ficar em hotel 5 estrelas em Londres, infelizmente esse não é o caso. Mas como quem não tem dinheiro tem que ter esperteza, consegui uma super promoção de 70% de desconto (sim, sim, só paguei 30% do valor da diária) num site de vendas exclusivas. Depois conto como fazer pra quem quiser aproveitar as ofertas… mas isso já é assunto pra outro post! ;)

 

Clique para reservar o Hotel Grange Tower Bridge Londres no Booking.com.

 

Entrando pelo cano em London… mas feliz da vida!

Só para ilustrar o que eu disse no último post, reparem só na pessoa tendo um momento Homer Simpson (d’oh, rosquinha…) na M&M’s World de Londres e sendo roubada feliz da vida… :roll:

 

 

 

Eu me considero uma pessoa muito sensata, mas a combinação de chocolate + bichinhos engraçadinhos + bolinhas coloridas é golpe baixo… entrei pelo cano very much indeed.

 

C’est nous à Londres! – parte 1

Pronto, voltei. Pra casa e (assim espero!) pro blog.

Eu e meu chéri estávamos em Londres, fazendo um city break romântico pra comemorar nossos 4 anos de casamento. Parece que foi ontem… oh oui, c’est beau, l’amour ;)

É claro que no quesito romantismo, Paris é imbatível e continua sendo de longe minha cidade europeia preferida. Londres é a segunda. Mas a gente queria viajar ‘pra fora’, e sei que corro o risco de muita gente querer me estrangular, mas vou me esconder atrás do computador e falar: Paris pra gente já está meio batido….

Pronto, falei. Continuem lendo quando terminarem de me xingar.

Sei que falar de Londres é meio off-topic para um blog que se chama Viajar na França, mas quando a gente para pra pensar, Londres é logo ali e quem está em Paris geralmente dá um pulo lá, não é mesmo? Então vou publicar alguns dos meus “achados” em Londres, sem pretensão nenhuma, obviamente, já que na terra da Rainha eu me sinto nada mais do que uma simples turista. Brasileira ou francesa eu não sei, pois foi engraçada a sensação que eu tive de estar voltando pra casa quando retornei ao solo francês…

Enfim, nosso passeio em Londres não correu como esperado. Todas as outras vezes que fomos lá, estava no inverno e passamos um frio lascado, por isso desta vez me programei pra ir na primavera. Como já conheço bem todos os pontos turísticos, meus planos eram simples: fazer pique-nique no Hyde Park, dar comida pros esquilos, ficar passeando de bobeira, correr de mãos dadas com meu chéri sob o suave sol londrino em meio a belas flores primaveris, ouvindo o canto dos pássaros e acenando em câmera lenta pro William e pra Kate, e tal. Só que nossos planos foram literalmente por água abaixo, porque Londres foi Londres, ou seja, choveu o tempo todo.

Como sou brasileira e não desisto nunca, fizemos uma ligeira alteração de programa e passamos três dias entrando em lojinha. O que no fim das contas não foi nada desagradável, tirando o trauma de não ter aprendido a lição quando me ferrei em Nova York e cair na esparrela – de novo – de pagar quase 50 reais num punhadinho ridículo de M&M’s só porque estava numa loja colorida e um mané vestido de M&M de chocolate botou uma cestinha na minha mão. Gente, aquela loja é coisa do demo, só pode. Qualquer um perde o bom senso.

Anyway, o resto das aventuras fica pro próximo capítulo… já está tarde e ainda nem passei as fotos pro computador.

 

to be continued