Sabon, loja de cosméticos naturais do oriente médio em Paris

Hoje passeando pelo Marais em Paris, eu e minha amiga passamos pela rue des Rosiers, reduto da comunidade judaica de Paris que ainda subsiste naquele bairro.

Descobrimos ao acaso uma loja fantástica chamada Sabon. É uma loja de produtos de beleza do oriente médio super cheirosos, fabricados adivinha onde? Em Israel, no mar morto. Não é à tôa que a única loja da França fica no Marais, em meio a açougues Kosher e restaurantes de fallafel.

Fiquei encantada com a Sabon: a loja e os produtos são lindos. Nas prateleiras, xampus, cremes hidratantes, perfumes para o corpo e para casa sempre feitos com ingredientes naturais, cuidadosamente alinhados em embalagens lindíssimas.

Enfim, os produtos da Sabon são ótimos. A especialidade da casa é o exfoliante natural de Patchouli, lavanda e baunilha que a gente pode experimentar numa fonte bem no meio da loja. O perfume é delicioso e a pele fica super lisinha.

 

Minha amiga parisiense experimentando o exfoliante de patchouli (o primeiro potinho ali na frente)

 

O melhor disso tudo é que apesar da loja e dos produtos serem luxuosos, o atendimento é atencioso e simpático e os preços bem razoáveis!

Eu não resisti e acabei comprando um óleo hidratante sem enxágue para os cabelos por 25€. Experimentei e ficou parecendo que eu tinha feito escova, com o cabelo sedoso e brilhante, e olha que minha cabeleira andava super ressecada. Minha amiga também cedeu à tentação e comprou um perfume de ambiente por 28€ (esse eu achei meio carinho mas de acordo com a vendedora dura muito).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A Sabon também existe em outros países, mas na França por enquanto esta é a única loja.

 

Sabon
32 rue des Rosiers 75004 Paris

 

Link permanente para este artigo: http://www.viajarnafranca.com/2011/10/sabon-cosmeticos-paris/

3 comentários

  1. Mas é ca-la-ro que você comprou o baguio de baunilha pra mim, né????
    Adorei essa lujinha, tenho que ir lá da próxima!

    • Rosália em 28 outubro 2011 às 19:18
    • Responder

    Eu adoro bater pernas no Marais. Fomos num domingo de sol ver as pessoas curtindo a Place des Vosges, umas sentadas, outras deitadas, como lagartixas ao sol. Foi uma experiência ótima ver a praça cheia e tão bem aproveitada. Quase, por pouco, não fizemos o mesmo (ficamos sentados num banco, só olhando). Próxima vez…

    1. Da última vez eu e a Raquel entramos nessa de ficar lagarteando também, só que no jardin de Luxembourg. Acho que passamos uma tarde inteira bobolhando e “bronzeando” igual os franceses… a vantagem é que com o sol da França nenhuma das duas saiu queimada.

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.